Você Entre Nós: ¨Um momento de reflexão¨, por Márcia Nunes 1

A leitura Márcia Nunes mandou seu artigo e agora está tendo o seu texto publicado no blog Entre Nós. Participe você também e mande sua opinião, seu texto, poema, um momento especial. Você pode ter seu material publicado no blog. Basta escrever para oblogentrenos@gmail.com .

Confira agora o texto de Márcia Nunes:

Um Momento de Reflexão
Não é preciso ir longe ou em algum lugar específico para encontrá-los. Seja nas ruas, dentro de uma igreja em meio a uma oração, caminhando no parque ou indo a mais um dia de trabalho, lá estão eles, como qualquer outra pessoa. Apesar da imagem vinculada à profissão de cabeleireiro, maquiador ou estilista de moda, eles também são médicos, advogados, atendentes de telemarketing, professores, autônomos, mas acima de tudo, são seres humanos. 

Pessoas dotadas de sentimentos e razão. Com defeitos e qualidades. Apesar de serem julgados por uma característica especifica do seu ser: Amar uma pessoa do mesmo sexo. Alguns acham que isso é doença. Amar é doença? Talvez não seja este tipo de “doença” que a nossa sociedade mais precise? Outros acham que é questão de opção. Será que alguém optaria por ser discriminado e sofrer a dor de ser rejeitado pela família, que na maioria das vezes, não aceita a homossexualidade? Ou pela intolerância da sociedade? 

Alguns se escondem por conta disso, mas não se escondem da sua própria identidade. Quem é homossexual reage às condições de sua mente que pede, de seu corpo que deseja e do seu coração que sente, assim como qualquer pessoa que se sente atraída por outro. São reconhecidos pelo símbolo de um arco-íris, mas por conta do preconceito, suas vidas não são tão coloridas assim. O fardo que carregam por serem considerados diferentes transformam seu mundo em preto e branco. Sem vida. Sem luz.

Não deveria haver qualquer lei, qualquer preconceito que impedisse alguém de amar outra pessoa. Seja homem ou seja mulher, que o respeito, a dignidade e o amor sejam direitos para todos e não apenas para alguns. Enquanto a condição sexual de uma pessoa for mais importante do que a verdade em seus olhos e o que traz em seu coração, haverá preconceito.

Dono do Facebook e seu namorado são os maiores líderes GLS do mundo Resposta

Chris Hughes e o namorado, Sean Eldridge
De acordo com a revista norte-americana “Advocate”, que publicou uma lista com os principais líderes LGBT com menos de 40 anos, o co-fundador do Facebook, Chris Hughes e o namorado Sean Eldridge, encabeçam a lista.

Chris tinha 19 anos e estudava em Harvard quando, junto com outros três amigos, fundou o Facebook. Quatro anos depois, já formado, ele se mudou para a Califórnia e com os sócios tornaram a rede social um dos fenômenos dos tempos atuais.
Agora, aos 27 anos, Hughes não está mais envolvido com o Facebook, exceto como usuário e um dos principais acionistas, o que lhe rendeu uma fortuna.
O casal, que se conheceu em 2005, tem esperança de se casar em Nova York. Por conta de sua participação de pouco mais de 1% no Facebook, Chris Hughes tem um patrimônio líquido de US$ 700 milhões, o que o torna o gay mais rico do mundo com menos de 30 anos.
*Com informações de A Crítica

Jornalista tira Agnaldo Timóteo do armário. Veja o vídeo: Resposta

Agnaldo Timóteo (Foto:Reprodução)

Foi engraçado, quem viu ficou em choque na hora. No programa da última quinta-feira (19/05), o Superpop, apresentado por Luciana Gimenez na Rede TV!, levou para o palco uma discussão sobre a criminalização da homofobia e união civil gay.


Entre os convidados estavam a travesti que ficou famosa na web, Luisa Marilac, o jornalista gay Felipe Campos, a ex-bbb Angélica Morango, o deputado federal homofóbico e racista Jair Bolsonaro, o cantor Agnaldo Timóteo e um pastor evangélico e ex-gay (?).

Durante a conversa, Felipe disse que ele e Agnaldo Timóteo eram assumidamente homossexual. Neste momento, Agnaldo tentou se defender, dizendo que não. Felipe continuou: 

– Ai, desculpa, falei! Eu não sabia que você não era assumido!

O clima ficou tenso e engraçado. Confira o vídeo: