BA registra 6 mortes ligadas à homofobia em 2012, diz entidade Resposta

A associação GGB (Grupo Gay da Bahia) divulgou nota afirmando que seis homossexuais já foram assassinados na Bahia neste ano em crimes relacionados à homofobia.
De acordo com a entidade, o Estado é, há seis anos consecutivos, campeão de crimes homofóbicos.
Das seis mortes registradas em 2012, quatro foram em Salvador e as outras duas, no interior baiano. Na capital, foram assassinados duas lésbicas, um travesti e um gay. Os dois crimes mais recentes ocorreram na última quinta-feira (19), no interior. 

No município de Barreiras (848 km de Salvador), um gay de 37 anos foi apedrejado, assassinado e teve seu corpo jogado em um rio.
E em Itororó (sul da Bahia, a 550 km da capital), um gay de 19 anos foi morto a tiros na porta de sua casa.
Na nota, o GGB afirma que a impunidade é um incentivo ao aumento da violência contra os homossexuais.
“A comunidade homossexual, que representa 10% de nossa população, está em pânico e não suporta mais o clima de insegurança”, diz, na nota, o antropólogo Luiz Mott, fundador do grupo.
A entidade pede “ações radicais de controle da homofobia” e ameaça denunciar o governo baiano à OEA (Organização dos Estados Americanos) caso não haja iniciativas para melhorar o quadro.

Informações: Gazetaweb

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s