Ivete Sangalo diz que ser lésbica é algo extremamente natural e tem de ser respeitado Resposta

 

Numa entrevista para a revista Playboy, a diva Ivete Sangalo respondeu sobre diversos bafos envolvendo seu nome. Um deles é o boato de que ela teria feito sexo com a apresentadora Xuxa. Sobre essa questão, a cantora baiana respondeu: “Como é que vou dizer: ‘minha gente, nunca transei com a Xuxa?’ Eu tenho vergonha de ter de falar isso. Por mais que eu desminta, não vai ser suficiente para suprimir essa necessidade do boato que vende. São vários problemas que uma fofoca dessas traz. Primeiro porque ela é minha amiga. Segundo porque eu não sou lésbica. Mas, se eu fosse, isso teria de ser respeitado”, disse a baiana.

Ivete acredita que o boato surgiu por causa da forte amizade entre as duas. “É uma das grandes amigas que tenho até hoje. A gente se abraça, se beija, e ela é muito dengosa, né?”. Para ela, Xuxa é uma de suas melhores amigas. “Uma amiga maravilhosa, amiga pra pau, pedra, chuva e sol. Eu acho essa questão muito leviana porque uma mulher se relacionar com outra é extremamente natural. Quando uma mulher ama outra, isso tem de ser respeitado. E o assunto é tratado de forma pejorativa.”

A  questão da sexualidade sempre foi tratada com naturalidade na casa da baiana, contou a artista. “Eram quatro homens em casa, meu pai e três irmãos. Então, esse negócio de sexualidade não era uma coisa ‘oh!’ A gente via homem nu dentro de casa desde pequena, aquilo era uma coisa tranquila. O assunto sexo era muito em voga porque meus pais eram bem sexuais. A gente ouvia a transa do quarto. A cama quebrava, mamãe gritava”, contou ela à revista.

Ivete também falou sobre sua primeira transa. “Bicho, foi tarde demais. Eu já era mulher, tinha consciência do meu corpo. Estava amadurecida para compartilhar comigo mesma, só. Foi com um namoradinho fofo, mas não foi ‘eu te amo'”. Hoje, acha que vale tudo quando está com quem se ama. “Quando eu digo ‘toda mulher é quenga’, é na jurisprudência em que cabe aquilo; dentro de quatro paredes, com o homem dela”.

Ivete não é lésbica e se fosse, isso iria mudar em que a vida de seus fãs? Acho triste quando uma cantora é lésbica e nunca se manifesta contra a homofobia. Temos casos na MPB e não preciso citar nomes. Mas ficar querendo tirar do armário quem não é gay é, como Ivete bem disse, tratar o assunto de forma pejorativa. O importante é que Ivete é o maior nome do Axé brasileiro e uma musa gay. É um furacão que, se Deus permitir, ainda vai encher muito esse Brasil de alegria. Axé!

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s