Como eu saí do armário: Anderson Fraga 5

Anderson Fraga

Anderson Fraga

Meu nome é Anderson Fraga, tenho 28 anos, sou gerente de atendimento em uma empresa de call-center e moro na grande Porto Alegre (RS).

Desde pequeno sempre fui muito decidido, apesar de não ter muitas experiências quando novo, não por medo de alguém, mas tinha medo da relação em si, falei muito cedo pra minha família. Quando tinha 14 anos comecei a namorar um cara de 29, fiquei apaixonado e tal, e resolvi contar pra minha avó, sempre tivemos um relacionamento maravilhoso, ela na época com 73 anos, ficou pensando um pouco e disse: “O importante é que você não sofra por nada, o resto não importa”.

+ Como eu saí do armário: Rafael Zveiter (criador do Entre Nós) 

Como sempre fui extremamente independente no sentido de decidir sobre minha vida, logo depois falei para minha mãe, que se encarregou de contar ao meu pai. Minha mãe só chorou um pouco, lembro que naquele momento fui um pouco insensível, disse para ela parar de chorar que ninguém havia morrido, kkkk, tadinha. Algumas semanas depois, já estava tudo bem e todos familiarizados com a descoberta. Minha família sempre tratou muito bem todos os meus namorados, eles dormiam na minha casa, isso foi uma conquista minha, pois os namorados das minhas irmãs dormiam na minha casa e quando eu levei um namorado, a primeira vez, eles ficaram meio receosos. Então eu disse, se minhas irmãs podem trazer um namorado eu também posso, não há diferença nenhuma, assim eles compreenderam.

Depois fui casado e minha família frequentava a casa da família do meu companheiro e tal, sempre tive um excelente relacionamento com todos. Em todas as empresas em que eu trabalhei sempre fui muito popular, não por escolha própria, mas sempre fui muito parceiro e verdadeiro, nunca escondi a minha sexualidade e muita vezes para não constranger as pessoas que não têm convivência eu fazia brincadeiras sobre a sexualidade, tentando deixar a situação o mais normal possível.

Em 2008, quando comecei a trabalhar na Dell Computers, me tornei um dos líderes do grupo Pride no Brasil, que trabalha para o convívio harmonioso e para que os homossexuais sintam-se acolhidos e inclusos no ambiente de trabalho. Dava palestras sobre ética profissional e sexualidade para todos os funcionários da empresa e sempre me coloquei como exemplo. O retorno era fenomenal, o relacionamento dos meus colegas comigo sempre foi perfeito, os mais héteros me abraçavam quando eu chegava e tal, davam beijo e até me tiravam para dançar nas festas, era muito engraçado. Várias vezes eles me diziam, Anderson, eu gosto de você porque você é o que é, ponto final.

Sempre os tratei com muito respeito apesar das brincadeiras, e tenho um lema, se é amigo nunca será nada além disso.

Amo minha sexualidade, ser gay não quer dizer que você deixa de ser homem, pois sou bem homem no comportamento, na forma de me vestir e agir, mas não escondo jamais minha sexualidade. Tenho muito orgulho da maneira que eu vivo e se tivesse que escolher eu escolheria sempre ser gay!

  1. Pingback: https://blogentrenos.wordpress.com/ | " F I N I T U D E "

  2. “Quando tinha 14 anos comecei a namorar um cara de 29”

    Que inveja, Anderson. hahaha Com 14 anos eu não sabia nem amarrar os meus próprios cadarços.

  3. pow, legal nossa olha sou lésbica ja namorei várias garotas mas tdo escondido tenho medoo de falar pra minha familia pk eles n vão aceitar e vão me mandar embora, então qria saber como fasso para contar pra minha familia ?

    • Luana,
      A verdade em primeiro lugar e o amor acima de tudo, eles vão ter que respeitar você e te apoiar. Quando mais você deixar o tempo passar menos você terá coragem de contar.
      Seja você mesma sempre e dane-se o resto, pois que vai carregar o peso das suas escolhas é você, viva, a vida é muito inconstante para ser desperdiçada!
      :)

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s