Presidente da Câmara critica tumulto em comissão, mas Feliciano permanece no comando 4

astor Marco Feliciano mostrou intransigência na primeira sessão da Comissão de Direitos humanos presidida por ele Ailton de Freitas / Agência O Globo

astor Marco Feliciano mostrou intransigência na primeira sessão da Comissão de Direitos humanos presidida por ele Ailton de Freitas / Agência O Globo

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), reuniu-se na manhã desta quinta-feira com o deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) e discutiram o clima de confronto estabelecido na Comissão de Direitos Humanos, presidida pelo parlamentar. Feliciano deixou a reunião sem comentar o encontro. Eduardo Alves disse que é preciso esfriar os ânimos na comissão e que irá aguardar os próximos dias para avaliar a situação. Feliciano permanece no comando da presidência da comissão, mas Eduardo Alves disse que vai aguardar para ver o ambiente melhore.

+ Feliciano pede ‘desculpas’ a quem se sentiu ofendido por declarações

+ Marta Suplicy se diz ‘indignada’ com eleição de Feliciano para CDHM

+ Pastor tira ‘homofobia’ da pauta na 1ª reunião à frente dos Direitos Humanos

+ FHC critica nomeação de Feliciano para Comissão de Direitos Humanos

+ Líder do PT diz que fez apelo ao PSC para substituir Feliciano de comissão

+ Grupo de deputados do PT, PSB e PSOL, decide ir ao STF para tentar anular eleição de Feliciano

+ Em culto, deputado Pastor Marco Feliciano prega combate a projeto que criminaliza a homofobia

+ Marco Feliciano usa mandato em benefício de suas empresas e igreja

+ Abaixo-assinado reúne 340 mil assinaturas a favor da destituição de Feliciano

+ Presidente da Câmara não está disposto a rever a escolha do pastor para Comissão de Direitos Humanos e Minorias

+ Pastor Marco Feliciano, eleito para comissão, responde por estelionato e homofobia no STF

+ Deputado Marco Feliciano: “Não aceito as atitudes homossexuais em espaço público”

+ Deputado e pastor Marcos Feliciado, chama Aids de doença gay, compara ativistas LGBT com propaganda nazista e diz que é coisa do diabo

– Ontem (quarta) me reuni com os deputados Jean Wyllys (PSOL-RJ) e com a Erika Kokay (PT-DF), entre outros que representam esse segmento, e hoje ouvi o deputado Feliciano. Fiz ver a ambos que estamos preocupados com o que ocorreu ontem. Essa Casa precisa de equilíbrio, moderação e responsabilidade. É a imagem da Casa que está em jogo. Todos têm que colaborar para que o clima seja amenizado – disse Eduardo Alves.
Fonte: O Globo

  1. Pingback: Nova frente por direitos humanos será lançada na Câmara | " F I N I T U D E "

  2. Pingback: Rio de Janeiro e São Paulo têm novas manifestações contra deputado Pastor Marco Feliciano 1 | " F I N I T U D E "

  3. Pingback: https://blogentrenos.wordpress.com/ | " F I N I T U D E "

  4. Pingback: Pastor Marco Feliciano não pode suspender processo no STF e pode ser preso por discriminar gays | " F I N I T U D E "

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s