Big Brother Brasil: cadê os gays e as lésbicas? Resposta

Praticamente na véspera da estreia da 12ª edição do reality (?) show “Big Brother Brasil”, o diretor José Bonifácil Brasil de Oliveira, vulgo Boninho, afirmou em seu twitter que a casa teria quatro gays e duas lésbicas. Parece que Boninho quis polemizar para conquistar audiência (leia aqui).

O que se viu até agora foram duas bissexuais (uma eliminada na primeira semana) e um gay. Apenas isso. O blog noticiou o que Boninho afirmou. Mas aqui a gente respeita os nossos leitores, por isso estamos desmentindo a primeira notícia dada por Boninho. O BBB12, tirando um suposto estupro veiculado como uma história de amor, é mais do mesmo. Sem novidade.

Artistas investem no mundo gay para alavancar suas carreiras Resposta

Reportagem do Correio Braziliense, mostra alguns artistas que vêm investindo no público gay.
A DJ Elenita Rodrigues, costuma tocar em baladas LGBT (lésbica, gay, bissexual e trangênero). Ela ficou conhecida nacionalmente no reality show Big Brother Brasil (BBB), em 2010. Antes de entrar no BBB, Elenita já tocava na balada e tinha uma comunidade no Orkut, que tratava sobre homofobia.
“Não é que vem aumentando o número de gays, ao contrário do que muita gente pensa. Mas as pessoas estão conquistando sua independência financeira e sentindo-se mais à vontade para assumir-se sem o ranço e o preconceito de anos atrás. Ainda há muito para melhorar, mas a sociedade já aceita mais você se o quiser. É um mercado importante que cada vez cresce mais”, acredita Elenita.
Ex-BBBs, aliás, são algumas das personalidades que estão presentes constantemente, segundo o Pernambuco.com, nas baladas LGBT. Ricardo Lucas, um dos produtores da festa “Let’s Club”, que ocorre todas as sextas-feiras na boate Blue Space, diz que os organizadores desse tipo de evento estão sempre antenados em quem está na mídia e analisam se o artista tem ou não a ver com o público gay que frequenta esse tipo de balada.
“Não vou trazer qualquer artista que é bacana, mas que não se identifica com o nosso público. Nã dá para arriscar. A Wanessa é uma das que tem levantado a bandeira do público gay, a Preta Gil também. Quando fazemos festas anos 1980, trazemos as divas daquela época, como Rosanah e Gretchen. Isso sem falar nos BBBs que sempre aparecem para fazer uma presença VIP, especialmente os da edição passada, que se identificaram muito com a questão gay, como a Elenita, o Serginho e o Dicesar (que já se apresentava como a drag queen Dimmy Kieer antes de entrar no programa)”. comenta Ricardo, que se prepara para levar outra ex-BBB, a transexual Ariadna para uma festa, na semana que vem.
Wanessa contou à repórter Ana Clara Brant, do Correio Braziliense, como se tornou um ícone gay:
“Foi algo que ocorreu naturalmente. Sempre tive muitos fãs gays. Eles são animados, adoram dançar, se divertir e identificam-se com minhas novas músicas. Eles vão apra o show com a intenção de ver o artista, mas também de se divertir muito. Percebi que adoram um show cheio de coreografias e performances. Eu acredito nesse mercado”, diz Wanessa.
Uma das divas dos anos 1980, a cantora Rosanah Fienngo, conhecida pela música “O amor e o poder”, que fez sucesso n novela “Mandala” (Globo) e depois nacionalmente, acredita que o público gay é mais exigente e gosta do que é ousado, impactante e encantador:
“As divas do mundo gay, geralmente são artistas que fazem diferença no mercado. Esse público gosta de vozeirão feminino e de quem canta de verdade, acima de tudo”. No caso da Rosanah, acredito que uma parte do público gay goste de artista trash ou escrachado. Rosana virou um ícone trash e, por isso mesmo, quase cult.
Rosanah, que está envolvida em um novo projeto, conta que está um pouco afastada de eventos na noite gay: “O mercado gay, no momento, está sendo das grandes divas. E isso no mundo inteiro. Lady Gaga é uma delas. Os gays sempre foram uma boa parte do meu público, tenho grandes amigos, gosto e me divirto muito com eles”.
Outra pessoa que passou a investir intensamente no mercado gay é a cantora Preta Gil. Por ter nascido em um ambiente liberal e sem preconceitos, Preta afirma que isso facilitou bastante sua aproximação com o público gay.
“Sou como eles, autêntica, tenho espontaneidade, uma personalidade extrovertida, alegre, pra cima. Sou livre de preconceitos, fui criada dessa maneira. Tenho uma liberdade muito grande em mim. Então, essa identificação vem de uma forma natural. Tenho muito orgulho de os gays identificaram-se comigo”, declara Preta.
Lógico que nem todos os gays são iguais. Esse tipo de reportagem pode dar margens a interpretações erradas e criar estereótipos. Mas, se olharmos por outro lado, vamos ver que, de alguma forma, dá visibilidade ao mundo gay.
Por exemplo, a reportagem cita fonte da Câmara de Comércio GLS do Brasil e diz que o mercado consumidor gay corresponde a 10% da população brasileira (30 milhões de pessoas). Os gays gastam 30% a mais do que os héteros. O segmento movimenta no Brasil R$ 150 bilhões. A pergunta que fica é: mesmo assim, por que tantas empresas não querem o seu nome vinculado aos LGBT? Ainda bem que isso está mudando aos poucos.

Roberta Close parece despeitada e amargurada Resposta

A ex-modelo Roberta Close deve ser respeitada, afinal é a primeira trasexual a ter notoriedade no Brasil. O país acompanhou a sua trajetória com muito carinho, mas o tempo passou , ela continua linda, mas o seu humor parece de uma senhora rabugenta. No início do ano, ela se recusou a falar sobre Ariadna, a transexual mais famosa do Brasil e ex-participante do Big Brother Brasil. Agora, Close – talvez com medo dos holofotes estarem voltados para Ariadna, deixou um baile de carnaval, após encontro com Ariadna.
A saia-justa aconteceu durante o Baile de Gala da cerveja Devassa, no Cais do Porto, Rio de Janeiro. Muita gente famosa circulo por lá. Modelos, atores, socialites e fashionistas. Roberta se incomodou com a presença de Ariadna apenas.
Assim que Ariadna entrou no espaço reservado aos convidados, Roberta pegou sua bolsa e saiu. Ela ainda tentou negociar com alguns produtores sua permanência em outras áreas da festa, explicando que não queria mais curtir a noite no camarote. Ela teria alegado que o espaço estava pequeno demais para o número de pessoas presentes.
Na chegada, Roberta Close fez a linha diva e não falou com a imprensa, só fez caras e bocas. Já Ariadna, atraiu a atenção de todos, ao entrar usando um vestido de renda francesa, avaliado em R$7 mil, confeccionado especialmente para a ocasião. Ariadna esbanjou simpatia.
Não satisfeita com o papelão, Roberta Close ainda resolveu fazer críticas ao comportamento da Ariadna dentro do BBB:
“A garota do BBB foi tirada do programa não por ser transexual, mas por causa do estilo dela. O brasileiro está acostumado com Rogéria e Roberta Close, ou seja, existe algo mais belo e sofisticado”. Roberta ainda disse que no momento não está fazendo nada, pois não recebe convite.
Ariadna, ao ser questionada sobre as críticas da Roberta, disse o seguinte:
“Gente, eu não acho nada da Close. Deixa ela falar o que ela quer. Não se esqueçam de que temos que respeitar os mais velhos”.
Roberta Close perdeu a grande oportunidade de continuar calada. Se é pra falar bobagem, melhor se calar. Com bem disse Lea T, diferente do que Rogéria já disse em outras entrevistas, não é fácil ser transgênero.
Se já existe tanto preconceito, por que não se unir? Se Roberta estivesse bem com ela própria, estaria feliz em ver o sucesso de outra transexual. É mais visibilidade. E outra, Roberta deveria lutar pela diversidade. No mundo LGBT, sempre teve espaço para o escracho. O que não é o caso de Ariadna.
Sempre vi Roberta Close Com bons olhos, por isso estranho tais declarações que parecem de uma mulher despeitada e amargurada.

BBB: Lucival e Natalia vão no Faustão e falam sobre homossexualismo Resposta

Lucival (Foto: Reprodução)
Como é de praxe, depois que um participante é eliminado do Big Brother Brasil ele vai direto para o Domingão do Faustão. No último domingo (20/02) foi a vez do jornalista Lucival, homossexual assumido e Natalia. 

O primeiro a ser entrevistado foi Lucival, que iniciou o diálogo falando sobre a situação da homofobia no Brasil, quando Faustão disse que religiosos não têm que interferir na situação dos homossexuais no país, dando seu apoio para que a lei contra a homofobia seja, de uma vez por todas, aprovada.

Lucival ainda falou sobre sua homossexualidade e a família, depois que sua mãe deu um depoimento falando que sempre soube da orientação sexual dele, mas nunca quis interferir porque a vida é dele e isso não impede o amor dela por ele.

Natalia (Foto: Reprodução)
Depois foi a vez de Natalia, que falou sobre sua participação no programa e foi perguntada sobre sua orientação sexual. Ela disse que mesmo já ter ficado com duas mulheres, ela é bem resolvida como heterossexual. 

Natalia também foi surpreendida com uma pergunta a respeito de uma suposta declaração que ela teria dado dizendo que o cantor Luan Santana é gay. Meio sem graça e completamente desconcertada, Natalia disse que não acha que o cantor seja gay e que adoraria ir em um show dele.

Agora é oficial: Ariadna será a segunda transexual a posar para a Playboy Resposta

(Foto: Reprodução)
Rumores à parte, agora a notícia já é oficial. A ex-participante do Big Brother Brasil, Ariadna, fechou com a Playboy e será a segunda transexual a estampar as páginas da revista voltada ao público masculino.

A publicação que já fotografou Roberta Close, agora promete uma nova edição especial, com 50 páginas, trazendo Ariadna ¨como veio ao mundo¨. De acordo com a sister, as fotos não serão no centro do Rio, como tinha planejado antes. Ela, que agora sugeriu um ensaio com a natureza, disse que confia na equipe dos profissionais e gostaria de ser fotografada por Fernando Torquato. A revista deve sair em março.

Em uma pesquisa no site da revista, mais de 13 mil leitores disseram que querem ver Ariadna na Playboy. Agora, é só esperar para conferir.

Ex-BBB Cristiano pode posar para a ¨G Magazine¨ coberto de doce de leite Resposta

Parece que as negociações para que o ex-bbb Cristiano, eliminado na última terça-feira (08/02) do reality show global, estão mesmo a todo vapor.

Desde que saiu da casa, Cristiano disse que toparia sim, tirar a roupa por um bom cachê de R$1 milhão de reais. Bom, O editor de casting da revista, Klifiti Pugini, disse que pagaria o valor para Cristiano se ele conseguisse vender um milhão de revistas. 

De acordo com Pugini, a produção da revista já entrou em contato com o brother e eles já têm uma reunião agendada para segunda-feira, onde possívelmente acertarão os detalhes. Pugini também disse que Cristiano é o mais requisitado pelos leitores da revista, e que o ensaio com ele seria regado a doce de leite, em referência à brincadeira que as meninas fizeram com ele dentro da casa do BBB, onde o prenderam e lamberam o corpo dele com doce de leite.

Bom, só nos resta aguardar para que as negociações terminem bem para todos os lados! Inclusive para o nosso!!!

Existe mais um gay no BBB 11? Resposta

Rodrigão e Cristiano durante a eliminação de ontem (Foto: Reprodução de vídeo)
Na noite de ontem (08/02) durante o discurso de eliminação do Big Brother Brasil 11, em que Cristiano foi derrotado com78% dos votos contra Rodrigão, uma pulga ficou atrás da orelha tanto de alguns jogadores da casa quanto algumas pessoas aqui fora.

No discurso, o apresentador Pedro Bial disse que as mulheres reclamam que ¨está faltando homem com pegada, que se apaixona, assume seus afetos e que se dane para o que os outros pensem¨, e ainda completou dizendo que o BBB assumiu uma face GLS nunca antes vista. Antes de dar o resultado, Bial foi mais além: ¨Hoje o mais bonito vai comer menos bonito¨.
Tal discurso fez com que milhares de pessoas aqui fora ficassem se perguntando qual a relação do ¨discurso GLS¨ com a eliminação de Cristiano. Diana, em conversa com Natália e Lucival logo após o fim do paredão, cogitou a hipótese de Cristiano ser gay, o que foi descartado pela outra sister.
Em um outro momento, o também homossexual Lucival, disse acreditar em um possível participante que ainda vai sair do armário nos próximos dias.
Será que ainda iremos ¨nos surpreender¨ e descobrir mais um gay dentre os tantos gays do BBB? A gente por enquanto fica só espiando.

Ariadna deve posar nua para a Playboy Resposta

Ariadna em ensaio para o ¨Paparazzo¨ (Foto: Marcos Serra Lima)
Depois de uma segunda chance para voltar ao reality show Big Brother Brasil ter ido por água abaixo, Ariadna (que não gosta de ser chamada de transexual e sim de mulher), deve estar perto de fechar contrato com a maior publicação masculina do país. 

A revista Playboy colocou uma enquete para saber dos leitores se eles queriam ou não ver Ariadna estampando a capa de uma de suas publicações. O resultado foi revelador: dos mais de 20 mil votos, cerca de 13 mil declararam que esperam ver um ensaio da morena completamente nua nas páginas da revista.


Esta, porém, não seria a primeira vez que a Playboy estampa na capa uma transexual. Nos anos 80, a musa Roberta Close também tirou a roupa para a revista e foi ovacionada pelos leitores. 

Na edição do BBB de ontem ( 07/02), os brothers comentavam sobre a possibilidade de Ariadna posar nua, e Jaqueline disse que a edição será uma das mais vendidas, mas afirma:

– Quero ver ao vivo também.

Ariadna faz ensaio para o site Paparazzo Resposta

Depois de ser eliminada do BBB 11 na noite da última terça-feira, Ariadna, que manifestou vontade de posar nua no centro da cidade do Rio de Janeiro, assinou contrato com o site Paparazzo e vai fazer um ensaio sensual que vai ao ar no próximo sábado (22/01). Mais uma vez, ela será pioneira, sendo a primeira transexual a fazer um ensaio para o site.

A moça que anda fazendo sucesso mesmo fora da casa, depois que uma campanha colocou a tag ¨VoltaAriadna¨ entre os mais comentados do Twitter Brasil, vem acumulando fãs de todos os lugares. A cantor Preta Gil já disse que vai convidar Ariadna para ser a Musa do bloco de carnaval dela, no Rio de Janeiro.

BBB: Adeus Ariadna? Resposta

Ariadna deixando o BBB 11 (Reprodução)
Ontem (18/01), como foi previsto, a primeira transexual da história do Big Brother Brasil foi eliminada do programa com 49% dos votos. Ariadna Thalia foi julgada fora da casa. Ativistas gays fizeram campanha contra ela, por não revelar aos outros participantes a sua condição.

Ora, não acho que ela teve vergonha em se assumir transexual. Como a mesma disse em uma conversa com os participantes gays Daniel e Lucival, Ariadna é uma mulher. Uma mulher que nasceu no corpo de homem. Na cabeça dela, nas atitudes, nos desejos, ela se sente 100% mulher. E era isso que ela dizia. ¨Sou hétero, gosto de homem¨.

Acredito que Ariadna foi mal interpretada aqui fora, de um lado alguns gays contra ela, inclusive travestis e transexuais. De outro, os preconceituosos e hipócritas do Brasil. A própria Ariadna disse que não acredita que tenha sofrido preconceito por parte do público que a tirou do jogo. A travesti Nany People, criticou a produção da Globo por ter colocado uma transexual que fazia programa na Itália. Ela disse que existem milhares de outras transexuais com diversas profissões, que não mancharia a imagem da classe.


Ora, também vejo preconceito nas declarações de Nany. Nem todas as transexuais (arrisco dizer que quase nenhuma), tem oportunidades e dinheiro para conseguir realizarem o sonho da operação. Hoje, Ariadna é uma mulher. Mas um dia foi Thiago, um gayzinho do subúrbio do Rio, que apanhava da família, era rejeitado pela mãe fanática religiosa. Um dia, Ariadna foi travesti, e encontrou na prostituição, um meio de arrumar um bom dinheiro e fazer a operação que a tornaria uma mulher. Linda.

Alguns declaram que o BBB acabou. Não acho que chega a ser assim, mas que Ariadna será sempre lembrada por todos, tanto dentro quanto fora do programa, não restam dúvidas. Quem esperava que os homens da casa ficariam com raiva de Ariadna, por terem beijado ela, acariciado, dormido junto dela, sem saber do ¨segredo¨, se enganou. Todos estão lá aplaudindo de pé a garra e a coragem de Ariadna, que mostrou ao mundo que todo mundo pode! 

Hoje, Diogo disse que acordou apaixonado por um ser humano incrível chamado Ariadna. Espero que a vida seja mais generosa com Ariadna agora, e tenho certeza que isso não será um adeus, mas sim, um ¨te vejo em breve¨.

Vaza foto de Ariadna quando ainda era ¨Thiago¨. Confira: 1

Vazou na internet uma foto que mostra Ariadna antes da transformação e da cirurgia que a transformaria definitivamente em mulher, quando a mais polêmica participante do BBB 11 ainda era conhecida como Thiago da Silva Arantes.

A imagem não possui data, mas é possível ver Ariadna com os cabelos curtos e camiseta camuflada. Ontem, Ariadna assumiu ser transexual para Lucival, em conversa na piscina.

BBB: Rodrigão tem medo de ficar com fama de gay Resposta


Em uma conversa com Rodrigo, Maurício e Diogo, Rodrigão afirmou sentir medo de sair do jogo com fama de gay. Depois de conversarem sobre o título de Mister Brasil conquistado por ele, Rodrigo disse que ele era um gatão. Preocupado, Rodrigão rebateu:

– Estou vendo que vou sair daqui com fama de viado. 

Ainda sobre possíveis relacionamentos dentro da casa, Rodrigão, que é o sabotador da semana, disse que não ficou e nem vai ficar com ninguém dentro do reality.

Gay do BBB desconfia, e Ariadna assume que é transexual Resposta

O homossexual Lucival, que se assumiu para os outros jogadores do BBB, disse em conversa na jacuzi que achou que Ariadna era transexual. O baiano que já mostrou ser um ótimo observador, contou que ouviu rumores fora da casa de que haveria uma transexual entre os jogadores e disse para Ariadna:

– Pelo seu jeito de se comportar na entrada, imaginei que fosse você, mas logo tirei isso da cabeça.

Ariadna fez o truque e fingiu nem ser com ela, e rebateu:

– Mas será mesmo que tem?

Logo depois, Lucival continuou dizendo que adora as transexuais, que elas sempre falam muitos idiomas e conhecem vários lugares do mundo. Ariadna disse que fala italiano e espanhol, e nas viagens que fez, conheceu muito gay e muito travesti.


Durante a tarde, Ariadna e Lucival conversavam na piscina e ela assumiu que é transexual para ele. Lucival aconselhou para que ela contasse a verdade para os outros, e que o Brasil tem hipocrisia mas valoriza a honestidade. 


Ariadna contou sobre o sofrimento que passou na vida e que nunca teve um suporte familiar. O diretor da atração, Boninho, afirmou na tarde de hoje que é melhor ela contr toda a verdade antes que seja desmascarada por todos.


Será que o segredo de Ariadna está com os dias contados?

BBB: Daniel chora ao falar sobre homossexualidade Resposta

Depois de uma brincadeira na casa do BBB sobre apelidos, Daniel não gostou do apelido atribuído a ele, Billy Pink. Daniel disse que precisa ser respeitado porque as pessoas não sabem da vida dele do lado de fora da casa. 

Daniel disse, que ele precisa ser respeitado onde ele mora, e que as coisas são diferentes para quem mora em grandes cidades, o que não é o caso dele.

Depois, em conversa com Rodrigo e Talula, Daniel chorou dizendo que um monte de coisa veio à cabeça dele depois do apelido:

– A gente escuta coisas ruins a nossa vida toda. Então pra quê ficar ouvindo esses apelidos aqui no BBB? É muito ruim ter um pai homofóbico, que te bate e que mostra preferência pelo outro irmão.

Chorando, Daniel foi consolado por Talula, que mais tarde ouviu que ele apanhava do pai desde criança.

Mais cedo, em conversa com Lucival, Jaqueline e Paula, Daniel afirmou que Ariadna é transexual, mas que ele não tem nada contra isso.

Ex namorado da BBB Ariadna conta detalhes da relação Resposta

Foto: Arquivo pessoal
Que transexual, que nada! Ariadna Thalia, do Big Brother Brasil 11, é mulher. Quem garante é João Gabriel Marques Silva, ex-namorado da cabeleireira. O jovem de 26 anos ainda revela: “Tudo que uma mulher tem ela tem e ainda melhor. Ela conseguiu me satisfazer como homem, mais do que muita mulher. A parte íntima dela não tem nada de diferente. É até mais bonita que a de muitas mulheres”.

Segundo ele, os dois se conheceram pela internet, quando a sister ainda morava na Itália. “Uma pessoa me passou o MSN dela, sem querer. Isso foi há 1 ano e 3 meses. Quando ela veio ao Brasil, ela me ligou, marcamos de nos encontrar. Começamos a ficar. Ela abriu o jogo para mim e falou que era operada. Para mim não tem problema. A Ariadna sempre foi mulher. Ela tem documento de mulher, certidão de mulher, identidade de mulher”, conta Gabriel, que nunca viu foto da sister quando ela ainda era homem e se chamava Thiago. “Acho que a gente pensa aquilo que a gente vê. Se eu visse aquilo, eu ia pensar nela como homem e não como mulher. Preferi continuar vendo ela como mulher, que é o que ela é”.
Feliz com a participação da morena no reality show, João Gabriel espera que a cabeleireira não sofra preconceitos dos colegas de confinamento. “Tenho uma mente mais aberta, mas eles podem encarar de outra forma por estarem na TV. Espero que não role preconceito”, diz o jovem, que está confiante na vitória da ex-namorada. “Ela é uma pessoa meiga, gentil. Sofreu para caramba quando era mais nova. Passou por preconceito de muita gente. Espero que ela ganhe para terminar de fazer a vida dela e ajudar os parentes”, afirma.
João Gabriel revelou ainda que, apesar da cirurgia de mudança de sexo, Ariadna não tinha problemas durante a relação sexual. “Eu acho que ela tem sensibilidade de uma mulher, sim. Ela operou lá fora. Se ela estava fingindo, ela fingiu muito bem”, brinca. 
O ex-casal terminou há cerca de quatro meses, após ficar seis meses juntos. Segundo o jovem, sua família aceitava bem o fato de Ariadna ser transexual. “Desde o início, eu contei para minha família toda. Nunca escondo nada deles. Minha família adora ela. O chip do rádio do meu pai é no nome dela. Minha mãe fala com ela ao telefone. Todo mundo sabia que ela é operada. A Ariadna até viajou no Carnaval comigo para a casa de praia da minha avó em São João da Barra”, conta.
*Com informações de O Dia

Roberta Close se recusa a dar opinião sobre Ariadna no BBB Resposta

0

A transexual mais famosa do Brasil Roberta Close, se recusou a tecer qualquer tipo de comentário sobre a participação da transexual Ariadna no reality show Big Brother Brasil. Em entrevista feita por telefone, Roberta, que mora em Zurique, na Suíça, não gostou quando foi perguntada sobre a opinião dela a respeito da sister:


– Não tenho nada a comentar sobre esse assunto. Nunca estive no BBB. Se você quiser me perguntar sobre outros temas, falar de trabalho, eu estou aqui.

Mesmo quando foi perguntada se ela não achava importante, como uma personalidade LGBT, a inclusão de Ariadna em um reality de grande sucesso da tv brasileira, Roberta Close foi curta e grossa:

– A transexual do BBB não me diz respeito. Acho que todas as mulheres devem participar. Ainda mais agora que temos uma presidente mulher.

Roberta, que hoje está com 46 anos, fez grande sucesso nas décadas de 80 e 90, quando desfilava no carnaval carioca e posava para revistas masculinas. Em 1989, fez a cirurgia de mudança de sexo na Inglaterra. 

Uma pena Roberta não querer se pronunciar, já que muitas transexuais a tem como exemplo de força e mulher.

Ariadna do #BBB11: vilã? Resposta


Sei que o reality show “Big Brother Brasil” (BBB, Globo) desperta paixões. Por isso, começo este post avisando que não vi a edição atual e, por isso mesmo, não estou defendendo ninguém. Mas o meu maior medo parece estar se concretizando: algumas pessoas e alguns veículos de comunicação estão dizendo que a transexual Ariadna está enganando os demais jogadores. Tudo porque ela, até o momento, não disse a ninguém que é transex.

O jornal “O Correia da Bahia” publicou fotos de Ariadna que estariam em um site de prostituição da Itália. A manchete do jornal diz: “BBB11: depois de mudança de sexo, Ariadna faz programa na Itália como mulher”. Se Ariadna mudou de sexo, só poderia se como mulher, não é mesmo? Mas a manchete já deixa nas entrelinhas a seguinte mensagem: ela enganou os clientes.

O jornal “O Dia” é taxativo” “Ariadna engana todos – Participante não diz que é transexual e já foi beijada por Diogo”, diz a manchete.

Mas será mesmo que Ariadna está enganando as pessoas? Ela já é mulher, então faz diferença ela falar sobre o passado com outras pessoas? Ariadna tem o direito de beijar homens heterossexuais sem dizer que mudou de sexo?

Bom, se Ariadna já é mulher, ponto final. Por que ela teria que expor o seu passado e reviver tudo o tempo todo? Claro, ela não é boba e sabia que a sua intimidade seria revelada para todo o Brasil, mas vê-la como enganadora é demais. Ela não está enganando ninguém, apenas vivendo a vida. E esse papo dos parentes dos héteros do programa se preocuparem como o fato de ter uma transex lá dentro é ridículo. Aqui fora eles podem encontrar transexuais e beijar, transar, sem saber de nada. Isso não fere a masculinidade de ninguém.


Por fim, a pergunta que não quer calar? Seria Ariadna a única ex ou atual prostituta do BBB Brasil? Lembro-me bem do Clodovil, em seu programa na Rede TV, mostrando a foto de um ex-BBB em anúncio de prostituição masculina. Acho que já respondi, não é?

Parentes temem que brothers se envolvam com transexual em BBB Resposta

Ariadna, participante transexual do BBB 11

Parentes e amigos dos novos participantes do Big Brother Brasil 11 estão temerosos em relação a um possível relacionamente além da amizade entre os brothers e a transexual Ariadna.


Segundo o diretor do programa, Boninho, Ariadna não vai revelar para as pessoas do jogo que é transexual, facilitando assim um envolvimento com algum (ou alguns) jogadores.

Por conta disso, os amigos e familiares dos novos participantes do BBB temem que eles virem piada nacional. A irmã de Rodrigo Carvalho garante que isso não vai acontecer, porque Ariadna não faz o tipo dele. Juca Pretto, irmão de  Diogo, falou que o contato entre eles pode ser somente de amizade, porque o novo brother se dá bem como todo mundo, mas não existe uma possibilidade de um relacionamento.

Todos garantem que não haverá nenhum tipo de preconceito com Ariadna. O fato é que ela é bonita, feminina e OPERADA!!! Ou seja, Ariadna já é uma mulher, inclusive nos documentos. Nada impede que vários homens se apaixonem por ela. Nós aqui do blog ficamos na torcida!!

O BBB 11 estréia hoje depois da novela Passione, na TV Globo.

Pai de Rodrigo Carvalho, do BBB 11 afirma que filho não é gay Resposta

O pai do administrador Rodrigo Carvalho, que está selecionado para participar da próxima edição do “Big Brother Brasil”, o ex-goleiro do Fluminense Paulo Victor garante que o filho não é gay.
Rodrigo tentou a vida como esportista: lutando judô, onde ocnquistou alguns títulos e jogando futebol. Ele jogou profissionalmente no Egito.
Não deu certo como lutador e nem como jogador. Então o rapaz tentou carreira de modelo. Inclusive posou como veio ao mundo para a revista “G Magazine”.
Agora o rapaz tentará ser um milionário e ganhar alguns minutos de fama no BBB! E aí, tá na torcida por ele?