Livro infantil terá Papai Noel gay e negro Resposta

papai-noel

Ilustração do livro

Neste ano de 2017 teremos um Papai Noel que foge à regra (padrão heteronormativo norte-americado. O selo Harper Desing, da Editora Harper Collings, anunciou que vai publicar um Papai Noel Negro que vive um romance inter-racial com um velhinho branco. Um urso, não e, gente?

“Santa’s Husband”(Marido do Papai Noel) foi escrito por Daniel Kibblesmith, um dos roteiristas do programa “The Late Show”. Além disso, Daniel é co-autor do livro “How to Win at Everylhing”(“Como Vencer Tudo”) e autor da série em quadrinhos “Valiant Hight”. As ilustrações são de autoria de AP Quach.

“Eu e (minha esposa) Jean Ashley Wright decidimos que nosso futuro filho só vai aprender que Papai Noel é negro. Se vir algum Papai Noel branco na rua, vamos responder que esse é o namorado dele”, disse Kibblesmith.

Polêmica antiga

Em 2013 a âncora do canal Fox News, Megyn Kelly, atordoada com a possibilidade de um Papai Noel negro levantada pela colunista Aisha Harris, insistiu que ele era branco, assim como Jesus. Só que Papai Noel é derivado de São Nicolau, um monge do século IV que vivia na Turquia. Jesus, como todos sabem, era um judeu que nasceu no Oriente Médio. Não há muito de caucasiano nessas figuras históricas.

O livro será lançado em 10 de outubro.

Opinião

Papai Noel deve ser criado com todas as etnias, para que as crianças sejam realmente representadas. E por que não gay? Afinal, existem famílias homoafetivas, não é mesmo.

Aqui no Brasil, clima tropical, Papai Noel deveria estar trajado de bermuda.

papainoel